Serviço de Reumatologia dos CHUC - História

O Serviço de Reumatologia do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, sendo um dos mais recentes do nosso Centro Hospitalar tem, contudo, um histórico que pode orgulhar quem aqui trabalha, ou quem considere aqui vir a trabalhar.
 
 E o início da nossa história remonta ao já longínquo século passado… mais exactamente a 1975 quando, no âmbito da cadeira de Clínica Médica da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra, se iniciou a formação dos alunos do curso de Medicina, em temas de Reumatologia.
 
 
 
 
 
 
 
Cerca de três anos depois, em 1978, o Serviço de Clínica Médica, realizou o primeiro Curso de Reumatologia, que, desde então, e com notável regularidade, vem sendo realizado, anualmente, constituindo-se na iniciativa deste género e nesta área, mais antiga do nosso país.
 
Na base destes desenvolvimentos esteve o sr. Prof. Dr. Armando Porto, Catedrático de Medicina e Director do Serviço de Clínica Médica, mais tarde designado de Medicina III, que teve a visão de futuro, a ousadia de inovar e a motivação bastante para iniciar e desenvolver uma obra, hoje reconhecida e unanimemente aceite, mas que, na altura, foi pioneira e percussora dos caminhos depois percorridos.
 
Em 1979, sob a sua direcção, passou o Serviço de Medicina III dos então HUC, a incluir um Sector de Reumatologia. Sendo de destacar a obra feita pelos seus principais colaboradores Dr. Francisco Severo, Prof. Dr. José Moura e Dr.ª Conceição Reis que, com entusiasmo, corporizaram as actividades desenvolvidas nesta área e nas vertentes: assistenciais, de investigação e de formação.
 
Em 1986 por iniciativa do seu Director o Serviço de Medicina III passou a designar-se de Serviço de Medicina III e Reumatologia.
 
Em 1991, por concurso e provas públicas, os Dr. Armando Malcata (cuja formação ocorrera no H. Santa Maria, Lisboa) e Dr. Jorge Silva (cuja formação ocorreu em Coimbra e Lisboa) ocupam as primeiras vagas de especialistas do quadro de Reumatologia dos HUC, entretanto criado.
 
Cerca de um ano depois junta-se o Prof. Pereira da Silva (cuja formação ocorrera em Londres, onde prestou provas de doutoramento, e em Coimbra). Em 1996, e por alguns produtivos anos, ingressou no quadro do serviço o Dr. Paulo Reis.
 
Em 1994 é atribuída idoneidade total para formação no Internato de Reumatologia (reponsável. Dr. Armando Malcata), e dá-se início a uma nova fase, com responsabilidades acrescidas.
 
A 29 de Outubro de 2004, conforme despacho do sr. Secretário de Estado Adjunto do Ministro da Saúde, é criado o Serviço de Reumatologia, (reconhecido que fora todo o trabalho ao longo dos anos desenvolvido).
 
Dos fundamentos então apresentados e homologados, salientaram como basilares da decisão tomada:
- a existência dum sector de Reumatologia com actividade própria e autonomia técnica.
- ser a  Reumatologia uma especialidade, da área da Medicina, reconhecida pela Ordem dos médicos, Ministério da Saúde, CNIM.
- a existência, desde 1994 de idoniedade total do sector de Reumatologia, para a formação de especialistas.
- ser essa a evolução natural das especialidades conforme a tradição e norma dos HUC. 
 
Em 11 de Fevereiro de 2005, o Dr. Armando Malcata, anteriormente nomeado pelo Conselho de Administração dos HUC, tomou posse do Cargo de Director, sendo o primeira a exercer as funções e que manteve até 2009.
 
Em 2009 toma posse o actual Director de Serviço, Prof. Dr. Pereira da Silva, sob cuja direcção o Serviço de procura fazer mais e melhor.
 
Como em todas as instituições, houve ciclos distintos de desenvolvimento, de desafios e respostas, que constituem o nosso património histórico. Ciclos esses, respeitantes às actividades nucleares do serviço:
 
- actividade assistencial, (consulta externa geral e consultas dirigidas a grupos específicos, consulta de apoio a outros serviços hospitalares, hospital de dia, técnicas reumatológicas, internamento, etc.)
 
- actividade de ensino pré graduado e pós graduado: na cadeira de Reumatologia (responsável: Prof. Pereira da Silva); nos internatos médicos de várias especialidades, (Medicina Interna, Medicina Geral e Familiar, Medicina Física e de Reabilitação, Doenças Infecciosas, Imuno-alergologia, Dermatologia, Pneumologia, entre outros), na formação contínua de especialistas de distintas áreas. Realização de curso anual de Reumatologia; curso práticos de Reumatologia; cursos de Reumatologia para Clínicos Gerais; Workshops de Reumatologia e palestras.
 
- actividade formação na especialidade de Reumatologia, que  permitiu, até ao presente, a obtenção do Título de Especialista e a subsequente prática autónoma e de qualidade de Reumatologia, dos médicos, que se nomeiam, e fazem parte da nossa história:
Dr.ª Dolores Nour, Dr. Luis Inês, Dr.ª Maria João Salvador, Dr.ª Cândida Silva, Dr.ª Margarida Oliveira, Dr.ª Anabela Barcelos, Dr.ª Aracelli Brana, Dr.ª Maria Real Segade, Dr.ª Maria João Saavedra, Dr. Jorge Garcia, Dr. Paulo Monteiro, Dr.ª Catarina Ambrósio, Dr.ª Cláudia Vaz, Dr.ª Maura Couto, Dr. Pedro Abreu, Dr.ª Cátia Duarte, Dr. Pedro Machado, Dr.ª Margarida Coutinho, Dr.ª Sara Serra, Dr. João Rovisco.
 
- actividade de investigação, progressivamente crescente e com estabelecimento de ligações a outras instituições nacionais e internacionais. Com resultados publicados em revistas indexadas.
 
- outras actividades no âmbito de organizações governamentais e não governamentais, nacionais e internacionais e de ligação à comunidade: participação activa nas actividades Direcção Geral de Saúde, no âmbito do designado Programa Nacional contra as doenças Reumáticas. Colaboração com outros hospitais, instituições, centros de saúde. Colaboração com as associações de doentes. Colaboração com Sociedades científicas nacionais e estrangeiras.
 
Actualmente o Serviço funciona nos sétimo piso – consulta externa, hospital de dia, direcção, gabinetes de trabalho, e quinto piso com internamento, que dispõe de 7 camas. O pessoal médico compreende, no presente: dois chefes de Serviço (sendo um o director), um assistente graduado; três assistentes hospitalares; três assistentes eventuais. E dez internos de Reumatologia em diferentes fases de formação.
 
Como a história não acaba aqui, seguiremos trabalhando na procura da excelência, abertos à inovação e desenvolvimento e, como Serviço público que o é, ao serviço do Homem e da Sociedade.